domingo, julho 08, 2007

Artes e Artistas

Conversa estranha (estilo Bagaço):
Eu - Ainda bem que te encontro. Tenho uma cena para te cravar, mas é um pincel muita grande...
Ela (muito séria) - Isso vai ser difícil, cá no departamento só temos pincéis pequenos.
Eu - Não, não é um pincel que eu quero, a tarefa é que é um pincel. Temos estas plantas em folhas muito grandes e temos que reduzi-las para tamanho A4 ou algo assim do género.
Ela - Ah! Nesse caso fala com a E. e o J., que eles têm mais jeito para isso do que eu.
Eu - Ok. Só te pedi a ti porque me disseram que a tua área é arquitectura.
Ela - Mas não é para pintar os vasos das plantas? Eles são melhores nisso do que eu. Não era para isso que querias o pincel?
Eu - ...

8 comentários:

Vanadis disse...

A tua amiga é loira? Essa conversa aconteceu mesmo?... Quer dizer, eu só na tua primeira frase percebi o que querias...
Deixa lá, secalhar ela estava com imensa coisa na cabecinha...

Elora disse...

Agora que falas nisso é meio loura. Não faço ideia do que lhe ia na cabeça, foi a primeira vez que troquei com ela algo mais do que "Bom dia, tudo bem?"

Mamaíta disse...

!?!?!?

A dormir!?

Beijinhos :)

Teté disse...

Quê?
A especialidade dela é arquitectura e quando lhe falam em plantas, só percebe dos vasos?
Boa técnica essa...

Vanadis disse...

Bem, deixa, à conta da meio-loirice dela (não me interpretem mal as loiras, eu até tenho uma irmã loira que de parva não tem nada, queixem-se ao Gabriel o Pensador) já mandámos umas boas gargalhadas! LOL!

vitor disse...

Chiça!

deKruella disse...

ehehehehe...será que não foi uma parvoice intencional? Quer dizer...uma arquitecta trabalha com plantas né? Eu acho que ela percebeu só que se fez de burra para passar o "pincel" a um dos outros dois

Elora disse...

Mamaíta: Espero que estivesse. Pelo menos explica.

Teté: Afinal não foi preciso a ajuda dela. Uff!

Vanadis: Eu ainda estou em choque.

Vítor: Ou algo assim.

Kruella: Ou é burra ou parva? Não sei qual prefiro...